Festas Juninas, está chegando o mês da gastronomia típica do Brasil!

Festas Juninas coisa do Brasil, nossas comidas, nossas danças, nosso folclore!

O que se come em agosto? Quais receitas você não pode esperar para comer em Março?

Perguntas difíceis, não acha?

Mas você conseguira com muita facilidade pensar nas gostosuras do mês de junho, correto?

As festas juninas fazem homenagem a três santos católicos: Santo Antônio (no dia 13 de junho), São João Batista (dia 24) e São Pedro (dia 29).

Mas por incrível que pareça, a origem das comemorações vem de muito antes da era cristã.

São oriundas do hemisfério norte onde várias celebrações pagãs aconteciam durante o solstício de verão e agricultores realizavam festas para comemorar as colheitas.

Em meados do século XVII, as comemorações Juninas foram aos poucos incorporadas à cultura do Brasil e também assumiram diversas características que já eram comuns por aqui.

Além das danças em volta da Fogueira de São João e o uso de roupas típicas, a gastronomia é muito forte nessas comemorações.

Vai organizar festas juninas?

Veja nossa sugestões de pratos típicos:

Arroz Doce: Arroz cozido em leite e açúcar, temperado com casca de limão, canela em pau.

Bolo de Milho Verde: Tem uma versão cremosa que usa latas de milho verde com sua própria água.

Baba de moça: Geralmente usada como um recheio tradicional para bolos e tortas. É uma receita feita à base de ovos.

Biscoito de Polvilho: Fácil de preparar, prático e viciante. Impossível comer um só.

Pipoca: Além de deliciosa faz muito bem. Ela pode reduzir os riscos de doenças cardíacas e de envelhecimento precoce.

Curau:. Doce, pastoso e de origem africana, tem como principais ingredientes creme de milho verde, leite de vaca ou de coco, açúcar e canela em pó ou em casca

Pamonha: Quitute muito comum na região nordeste e centro oeste que provavelmente descende da culinária indígena.

Pinhão: Semente de um tipo de pinha, consumida cozida com sal ou assada.

Canjica: Mungunzá ou munguzá é uma iguaria doce feita de grãos de milho-branco ou amarelo levemente triturados, cozidos em um caldo contendo leite de coco ou de vaca, açúcar, canela em pó ou casca e cravo-da-índia

Suco de milho verde: Retire os grãos de milho das espigas com uma faca.

Bata no liquidificador, o milho juntamente com leite e açúcar, coe , leve ao fogo até engrossar, esfrie e pronto!

Cocada: Cocada é um doce à base de coco, tradicional em várias regiões do mundo, especialmente na América Latina e em Angola.

Vinho Quente: Nada melhor do que uma bebida quente para curtir aquele friozinho, não é mesmo. Receitas que levam água, açúcar, canela e cravo, ao seu vinho tinto favorito.

Quentão: Deixe sua comemoração junina ainda mais temática e cheia de sabor. Bebida alcoólica feita com gengibre, pinga e canela.

Impossível não salivar, não é mesmo?

E se você aproveitar essa época de pandemia e vender kit festas juninas, use sua criatividade e lucre agora mesmo.

Seu kit pode ter itens de decoração e comidas típicas doces e salgadas, pode ser kit para 2,3,4 ou mais pessoas.

Tudo bem organizado, identificado e bonito, seus clientes vão adorar!

Gostou da ideia de empreender, da uma olhada aqui no blog e no site da Escola de Culinária Chef Das Gulas, tem muitas opções de negócios que você pode fazer em casa mesmo.

Sucesso!

#EmpreenderTransformaVida

0 Compart.

Você também pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *